Caiafarsa

Just another WordPress.com weblog

As Duas Babilônias?

leave a comment »



Saiba por quem e como, teve origem a velha mentira protestante que propaga que as doutrinas da Igreja Católica tiveram origem no paganismo.Em 1853, o mal intencionado pastor protestante Alexander Hislop, escreveu um fantasioso livro intitulado “As Duas Babilônias”, forjado com mera intenção de atacar a Igreja Católica, querendo relacioná-la ao paganismo, para incutir na cabeça dos que ele enganava, que havia uma Babilônia no passado e outra hoje que seria a Igreja Católica.

Baseando-se nas lorotas do aleivoso pastor Hislop, o protestante, Ralph E. Woodrow escreveu outro livro, o “Babilônia, a Religião de Mistério”, e logo todos os embustes dos dois livros foram levados para dentro das seitas protestantes para enganar os indoutos protestantes, ávidos por razões para odiarem a Santa Igreja Católica.

Acontece que Ralph E. Woodrow fez um estudo e concluiu que tudo o que estava no livro de Alexander Hislop é ficção sensacionalista, mentira fraudulenta, relacionamentos falsos. Então Ralph E. Woodrow para corrigir os erros cometidos no seu livro, escreve um outro livro com o nome de “A Babylon Connection?”. Woodrow tornou-se agora um crítico das fantasiosas teorias “pagãs” do mentiroso pastor Hislop. Confirme: http://translate.google.com/translate?hl=pt-BR&sl=en&u=http://www.ukapologetics.net/1hislopbaby.html&sa=X&oi=translate&resnum=10&ct=result&prev=/search%3Fq%3DRalph%2BWoodrow%2Btwo%2BBabylons%2Bde%2BAlexander%2BHislop%2Band%2Bits%2B%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DG

Woodrow no link acima, afirma que não há auto-respeito evangélico, e que em 1998 encontrou o mentiroso livro do pastor Hislop à venda em uma loja de livros evangélicos altamente reputados. Informa também que em novembro de 2005, quando fez uma pesquisa no Google por “As Duas Babilônias” de Alexander Hislop, as primeiras 15 páginas que surgiram foram esmagadoramente a favor da posição da Hislop, e conclui: “…Na verdade, talvez ingenuamente, ainda hoje muitos ainda se agarram a cada (geralmente errada) palavra de Hislop.”

Como vemos, o pai da mentira continua dando as cartas no protestantismo.

Cai a farsa.

PROVAS DA DESONESTIDADE PROTESTANTE

Conheça agora as lorotas forjadas pelo “pastor” Alexander Hislop que continuam enganando “evangélicos” desavisados no Brasil, através do CACP, no link: http://www.cpr.org.br/duas_babilonias.htm as lorotas seguem em vermelho, seguidas da nossa refutação em preto.

“Uma das características mais acentuadas do Catolicismo Romano é o sistema sacerdotal (padres, bispos, papas) que não se encontra de modo algum nas Escrituras Sagradas do Novo Testamento”.Resposta: A afirmação é mentirosa considerando que no Novo Testamento vemos:

1) – PRESBÍTEROS (PADRES, SACERDOTES – Sacerdócio comum e ministerial)

(I Timóteo 5,17)
Os PRESBÍTEROS que desempenham bem o encargo de presidir sejam honrados com dupla remuneração, principalmente os que trabalham na pregação e no ensino.

(I Timóteo 5,19)
Não recebas acusação contra um PRESBÍTERO, senão por duas ou três testemunhas.

(São Tiago 5,14)
Está alguém enfermo? Chame os sacerdotes da Igreja, e estes façam oração sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor.
(Sacerdócio Ministerial)

(Apocalipse 1,6)
e que fez de nós um reino de sacerdotes para Deus e seu Pai, glória e poder pelos séculos dos séculos! Amém. (Sacerdócio comum)

2) – BISPOS:

(Atos dos Apóstolos 20,28)
Cuidai de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para pastorear a Igreja de Deus, que ele adquiriu com o seu próprio sangue.

(Filipenses 1,1)
Paulo e Timóteo, servos de Jesus Cristo, a todos os santos em Jesus Cristo, que se acham em Filipos, juntamente com os bispos e diáconos…

(I Timóteo 3,2)
Porque o bispo tem o dever de ser irrepreensível, casado uma só vez, sóbrio, prudente, regrado no seu proceder, hospitaleiro, capaz de ensinar.

(Tito 1,7)
Porquanto é mister que o bispo seja irrepreensível, como administrador que é posto por Deus. Não arrogante, nem colérico, nem intemperante, nem violento, nem cobiçoso.

(I Timóteo 3,1)
Eis uma coisa certa: quem aspira ao episcopado, saiba que está desejando uma função sublime.

3 – PAPA
São Pedro chamava Marcos de “Meu filho Marcos” sem ter ligação carnal com aquele. É natural que Marcos o tratasse por “Pai” (Papa) espiritual (1Pd 5,13).
Na Enciclopédia Compacta da revista “Isto é”, pág. 259, tópico Igreja Católica, lemos: [“Roma foi a única Igreja ocidental fundada por um apóstolo (São Pedro). Da Irlanda aos Cárpatos, os cristãos passaram a reconhecer o bispo de Roma como o Papa (do latim vulgar papa, “pai”)]. (colaboração de Oswaldo Garcia).

“Quando a Igreja se corrompeu sob o governo de Constantino, as coisas foram mudando, porque não se exigia conversão para o batismo, mas apenas o batismo (obrigatório) de qualquer um”.Resposta: A Igreja não se corrompeu coisa nenhuma e Constantino nunca teve governo sobre a Igreja, apenas parou de perseguir os cristãos em respeito a conversão de sua mãe, Santa Helena. Ele mesmo continuou pagão até o último dia de sua vida, sendo batizado não no catolicismo, mas entre os hereges arianos.

“Após a morte, o católico obrigatoriamente vai passar uma boa temporada (de veraneio) no Purgatório, a fim de purgar os seus pecados; até mesmo por ali passam os papas que dão indulgências para garantir a salvação dos membros da Igreja Mãe e, contudo, não se livram do purgatório… Notaram a contradição? Como é possível que o “Santo Padre”, que se intitula o Vice de Jesus Cristo, ou seja, o Seu Vigário na terra, tenha de passar pelo purgatório?”Resposta: Sobrou sofisma e faltou conhecimento da verdade. Só os salvos passarão pelo purgatório, só os salvos precisam de purificação, sejam Papas ou leigos. No céu nada entra impuro. Está demonstrado na Bíblia que alguns serão salvos pelo fogo (1Co 3,15); que cada um será salgado com fogo (Mc 9,49); no Livro de Malaquias vemos a purgação dos que caminham para a salvação: (Malaquias 3, 2- 4) “Mas quem suportará o dia da sua vinda? E quem subsistirá, quando ele aparecer? Porque ele será como o fogo do ouvires e como o sabão dos lavadeiros. E assentar-se-á, afinando e purificando a prata; e purificará os filhos de Levi e os afinará como ouro e como a prata; então, ao Senhor trarão ofertas em justiça. E a oferta de Judá e de Jerusalém será suave ao Senhor, como nos dias antigos e como nos primeiros anos”. Isso prova que, quem quer ser salvo, terá que ser purgado, e purgado no fogo, queira ou não, pois Jesus já apareceu. (conf. bíblia de João Ferreira)

“Lá na capital da Torre de Babel, Nimrode e sua mãe/amante Semíramis iniciaram a religião de mistérios, que se rebelava contra o Criador, (…)” Resposta: Semiramis viveu séculos depois de Nimrode, e nem poderia ter sido sua mãe, ou amante. Muito menos ter iniciado qualquer religião juntos. Como consta na “louvável honestidade intelectual de Ralph Woodrow” no link: http://translate.google.com/translate?hl=pt-BR&sl=en&u=http://www.ukapologetics.net/1hislopbaby.html&sa=X&oi=translate&resnum=10&ct=result&prev=/search%3Fq%3DRalph%2BWoodrow%2Btwo%2BBabylons%2Bde%2BAlexander%2BHislop%2Band%2Bits%2B%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DG “Os membros da religião egípcia comiam o seu deus para dele colherem a força e a luz, daí a origem do “deus hóstia” do Catolicismo.”Resposta: Puro embuste do articulista. Ele simplesmente omite que o próprio maná redondo foi dado por Deus (Exodo 16,14). Seria Deus pagão?

“Até as iniciais “IHS” foram copiadas do paganismo, pois o significado delas é “Isis, Horus, Seb”, três deuses que vinham logo abaixo do deus Sol. O Catolicismo adaptou essa sigla, inventando para ela uma nova significação: “Iesus, Homo Sanctus””.Resposta: Na realidade, as iniciais “IHS”, são uma abreviatura de Ihsous, o latim ortografia de Jesus, em nome do Grego (Ιησους), embora popularmente, podem contar para o latim Iesus Hominum Salvator sentido de Jesus, Salvador da humanidade (que também se enquadra ao ensino da transubstanciação, onde o pão e vinho são ditas para se tornar o corpo e o sangue de Cristo). “( Fonte: Wikipédia artigo, Alexander Hislop. Http://en.wikipedia.org/wiki/Alexander_Hislop) *(link temporariamente com problema).

“Quase todos os usos e costumes da “santa madre” foram copiados do paganismo babilônico, segundo o erudito Alexander Hislop, em seu livro “The Two Babylons”, em nova edição lançada nos Estados Unidos, em 2002, (…)”Resposta: Pondo fim ao festival de lorotas do falso erudito Hislop, que aqui faz uso de suas quimeras o CACP, dizia Ralph Woodrow:
“Pode-se ir a qualquer biblioteca, consulte qualquer livro sobre a história antiga Babilônia, nenhuma destas coisas vão ser encontradas”. Para ver esta informação, clique na palavra linkada “AQUI” do endereço: http://translate.google.com/translate?hl=pt-BR&sl=en&u=http://www.ukapologetics.net/1hislopbaby.html&sa=X&oi=translate&resnum=10&ct=result&prev=/search%3Fq%3DRalph%2BWoodrow%2Btwo%2BBabylons%2Bde%2BAlexander%2BHislop%2Band%2Bits%2B%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DG

E pensar que estas calúnias caducas, depois de 154 anos foram novamente atualizadas pela famigerada Mary Schultze, em 07/04/2007 no site protestante CACP.

Viva a mentira!!! Viva o protestantismo!!!

Autores: Fernando Nascimento, Oswaldo Garcia, Sena.

 

Written by caiafarsa

maio 16, 2012 às 2:01 pm

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 161 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: